2 pegadinhas de cartão de crédito que você deve prestar atenção

ANÚNCIO

É importante prestar atenção aos detalhes, mesmo se você estiver usando o mesmo cartão de crédito por anos.

Ao se inscrever para um novo cartão de crédito, você provavelmente presta atenção à taxa de juros e talvez à taxa de transferência de saldo. Você pode até verificar qual é a taxa de atraso.

ANÚNCIO

Parabéns por seguir essas etapas para se proteger.

2 pegadinhas de cartão de crédito que você deve prestar atenção
Foto: (reprodução/internet)

Existem duas situações que requerem sua atenção, mesmo que você não leia seus Termos e Condições ou a Política de Privacidade, o que, claro, você também deve fazer.

Primeiro, você deve saber que existem políticas de cartão de crédito ocultas.

ANÚNCIO

Em segundo lugar, você deve saber que é difícil optar por não permitir que o banco ou o emissor do cartão de crédito compartilhe todas as suas informações.

A pegadinha do cartão de crédito nº 1: políticas ocultas

“Recentemente, tive um problema com meu banco um banco nacional com escritórios em todo o mundo cujo nome você sabe. Este pode até ser seu banco” diz Deborah S. Bosley, fundadora e diretora do The Plain Language Group LLC.

“Eu estava alguns dias atrasada para pagar uma conta de cartão de crédito e estava pronto para aceitar a multa. Eu sabia que devia uma taxa e juros e estava preparado para pagar sem reclamar”.

“Eu também não havia atrasado o pagamento antes disso. Mas meu banco cortou meu cartão de crédito. Descobri quando um comerciante negou o cartão, que uso há mais de três anos”.

Depois disso, ela conversou com três funcionários do banco antes de encontrar alguém para explicar por que o seu cartão tinha sido recusado. Mas mesmo assim, não era uma boa explicação.

Disseram a ela que eles não dizem aos clientes sobre negações quando algum pagamento atrasa. Ela sentiu como se tivesse perdido os direitos de consumidora.

A representante de atendimento ao cliente disse: “Está nos Termos e Condições”. Entranto, não estava lá e em nehum outro lugar, aliás, parecia ser uma política que foi criada na hora.

Essa disposição (que um cartão de crédito pode ser cancelado após a perda de um pagamento) não está nas letras miúdas. Também não está nas letras grandes.

Lição: Nem tudo é abordado nas letras miúdas. Os bancos sempre têm a vantagem.

Conselho

Dedique 15 minutos para conhecer o seu novo cartão de crédito, ou mesmo aquele que você tem na carteira há anos. Leia todas as letras pequenas.

Em seguida, ligue para o banco e descubra em que condições eles negariam o uso do cartão. Melhor saber com antecedência do que no momento em que você está tentando comprar algo.

Fique por dentro: Entenda o que é a taxa de juros do cartão de crédito e como fugir

2º pegadinha do cartão de crédito: recusar é uma grande dor

Como a privacidade é uma grande preocupação, é bom você optar por não permitir que seu banco compartilhe suas informações. Você tem que fazer o trabalho para não permitir que os bancos compartilhem suas informações, para cancelar.

As vezes você pode levar tempo para achar a política de compartilhamento de informações (e acabar nem encontrando). Digitar “opt out” na função de pesquisa não leva você a lugar nenhum.

Mas a desativação é a única maneira de limitar o que um banco ou administradora de cartão de crédito faz com suas informações pessoais.

Ao tentar achar econtrar sobre as regras, Deborah diz “sem sorte no site do meu banco, acabei abrindo caminho para o extrato do meu cartão de crédito e encontrei issoa terceira ou quarta página”.

Isso é muito além do que a maioria de nós costuma olhar ao pagar nossa fatura mensal. É um trecho muito breve de um texto muito, muito mais longo.

O extrato do cartão de crédito dela dizia o seguinte:

“As palavras ‘você’ e ‘seu’ se aplicam a cada pessoa que envia a inscrição. Você leu o formulário de inscrição e afirma que tudo o que declarou é verdadeiro e completo”.

“Você concorda com o compartilhamento de informações sobre você e sua conta com a organização, se houver, endossando este programa de cartão de crédito”.

“Você nos autoriza a compartilhar com outras pessoas, na medida do permitido por lei, tais informações e nossa experiência de crédito com você”.

“Além disso, você pode, como cliente, posteriormente indicar uma preferência em isentar sua conta de parte do compartilhamento de informações com outras empresas (“opt-out”)”.

Se você aceitar ou usar uma conta, estará sujeito aos termos deste formulário, os ‘Detalhes de tarifa, taxa e outras informações de custo’ e o Contrato do cartão de crédito, conforme possa ser alterado”.

Escrito no mesmo nível dos artigos acadêmicos. Não foi projetado para ser lido e compreendido pelo público em geral.

E você pode acreditar em tudo o que está “concordando” aqui?

Deborah continua dizendo “quando finalmente encontrei a informação certa, ainda não tinha terminado. Tive de ligar ou escrever para o banco para cancelar”.

Novamente, eles não tornam isso fácil.

O resultado final

Os cartões de crédito são uma necessidade no mundo de hoje, mas ser esperto ao usá-los também é ser inteligente e dedicar seu tempo para saber o máximo possível sobre seus termos e condições.

Por mais doloroso que possa ser, ler todas as letras pequenas pode ser útil.

Traduzido e adaptado por equipe Cotação Seguro

Fonte: Kiplinger

ANÚNCIO