Como fazer uma viagem de reconhecimento antes de se aposentar no exterior

Tomar a decisão de se aposentar no exterior é um grande passo para qualquer pessoa, mesmo se você for um viajante experiente. Talvez você tenha passado períodos significativos de sua vida no exterior explorando vários locais, mas fazer a mudança para outro país é totalmente diferente. 

Pode ser uma perspectiva assustadora, mas você deve fazer uma pesquisa completa em vez de tomar esse tipo de decisão por capricho. 

Há várias etapas que você precisa seguir para se preparar para sua grande mudança, mas uma das etapas mais importantes é agendar pelo menos uma viagem de reconhecimento ao país escolhido. Isso permitirá que você tome uma decisão totalmente informada sobre se esse local é ou não certo para você. 

Aqui está o que você precisa fazer e as informações que você deve reunir enquanto estiver no local de aposentadoria desejado.

Como fazer uma viagem de reconhecimento antes de se aposentar no exterior
Foto: (reprodução/internet)

Veja também: É mais barato usar milhas para reservar uma viagem de férias este ano?

Conheça o máximo de pessoas que puder

A melhor maneira de começar sua missão de reconhecimento é obter informações de pessoas que o conhecem. As pessoas que vivem e trabalham em seu destino potencial podem fornecer relatos pessoais sobre aspectos importantes da vida cotidiana.

Expatriados

Calma , calma, se você estranhou o termo podemos explicar. Expatriados são pessoas que vivem fora de seu país de origem, geralmente a trabalho.

Algumas das pessoas mais perspicazes para combinar um encontro antes da chegada serão os expatriados. O ideal é que sejam do mesmo país que você e também aposentados. Dessa forma, eles saberão exatamente o que você precisa fazer antes de partir e assim que você chegar. 

Você também aprenderá os prós e os contras dessa área específica, o que o ajudará a tomar sua decisão. Uma maneira fácil de encontrar expatriados é pesquisar no Facebook ou em outros sites. Você pode pedir para entrar nesses grupos e dizer aos membros que deseja se encontrar enquanto estiver lá. 

Expatriados tendem a ser um grupo amigável que estão ansiosos para conhecer os recém-chegados e ajudá-los. Também pode ajudar se você oferecer a eles um café ou um coquetel em troca.

Moradores locais

Embora possa ser mais difícil marcar essas reuniões com antecedência, deve ser muito fácil encontrar os locais quando você chegar. Isso significa assumir a liderança e iniciar conversas com as pessoas onde quer que você vá. 

Os moradores locais podem até fornecer pontos de vista alternativos aos expatriados que você conhece e mencionar aspectos de viver no exterior que ainda não considerou.

Se você não fala o idioma local, terá de encontrar pessoas locais que falam inglês (ou sua língua). Visite lugares que possam atrair turistas, já que a maioria dos moradores que trabalham nesta área falam inglês. Bares, restaurantes, cafés e centros comerciais são boas opções.

Faça as perguntas certas

Encontrar as pessoas certas é apenas a metade do tempo, porque você também terá que fazer as perguntas certas. O que você perguntar será pessoal para você e para o destino que está planejando, mas aqui estão algumas perguntas para começar:

• “Como é a qualidade do sistema de saúde e como funciona?”

• “Qual é a coisa que você menos gosta em viver aqui?”

• “É necessário falar a língua, ou você pode se dar bem com o básico?”

• “Do que você mais sente falta em casa?”

Passe algum tempo escrevendo uma lista de detalhes que deseja descobrir antes de sair, para não esquecer enquanto estiver lá.

Trate isso como pesquisa, não como férias

Embora não haja um prazo definido para uma visita de reconhecimento, você realmente deve ficar o máximo que puder. Entre um a três meses seria um teste sólido para viver lá, mas obviamente nem todos estarão em posição de fazer isso. 

Saiba que uma viagem de uma semana provavelmente não será tempo suficiente para ver tudo o que você precisa ver e, quanto menos parecer férias, mais você entenderá como realmente é viver lá.

Como fazer uma viagem de reconhecimento antes de se aposentar no exterior
Foto: (reprodução/internet)

Veja também: É hora de mudar a forma como falamos sobre aposentadoria

Traduzido e adaptado por equipe Cotação Seguro

Fonte: Wise Bread