Como sobreviver a uma crise financeira? (11 dicas para casais)

ANÚNCIO

Perda de emprego. Uma despedida, fraude, ser despedido, roubo, questões legais, dívidas de cartão de crédito. Em um momento, qualquer um desses eventos instantâneos pode destruir seu plano financeiro.

Às vezes, esses eventos não acontecem sozinhos, mas em grupos, evento após evento.

ANÚNCIO

Infelizmente, a vida é cheia de decepções, frustrações e surpresas. Então, o que você faz quando recebe o papelzinho da derrota?  Como você enfrenta uma série de fracassos financeiros?

“10% é o que acontece e 90% é como você reage”.

Lembre-se desta citação durante um colapso financeiro familiar. Os nervos se desgastam e a perspectiva é contaminada. Se os casais não agirem com cautela, pode haver ainda mais perdas (além de perdas financeiras) no caminho.

ANÚNCIO
Como sobreviver a uma crise financeira? (11 dicas para casais)
Foto: (reprodução/internet)

Veja também: Hábitos financeiros para começar aos 20 anos

12 itens de ação para casais durante uma crise financeira:

1. Fale abertamente, comunique-se e estabeleça metas

A dificuldade financeira traz uma série de perguntas: O que vamos fazer agora? Como vamos pagar as contas? E se “x” acontecer? Enquanto todas essas perguntas estão surgindo, converse com seu cônjuge e comunique-se . Decida uma direção que você apóia e comece a olhar para frente.  Comprometa-se em seguir o processo juntos, não sozinhos.

2. Priorize juntos perguntando “O que é mais importante para você?”

Quais são as coisas que você mais valoriza? De que pessoas você precisa ao seu redor? Se eu perdesse “x”, as coisas seriam ainda piores.  Escreva os itens em uma lista. Por exemplo, comida, casa, transporte. Pegue o seu primeiro real e aplique-o a primeira coisa da sua lista. Vá em ordem, não importa o quão alguém diga que eles precisam ser pagos. Se você não está fazendo um orçamento, precisa começar. 

3. Mudar para o modo de sobrevivência

Eu sugiro que você escreva sua lista de necessidades e, em seguida, corte metade das coisas. Este é o momento de tirar o máximo proveito de cada centavo. Embora sua vida possa parecer completamente fora de controle, essa ainda é uma área que você pode controlar. Gaste com cuidado e intencionalmente. Este pode ser um bom momento para vender suas coisas em sites. Como o Mercado Livre, OLX, Amazon entre outros.

4. Reconheça as emoções

Você experimentará um monte de emoções, de amargura, culpa e frustração. As emoções afetarão seu relacionamento com seu cônjuge, seus filhos, sua família, seus amigos e sua fé. Eu perdi alguma coisa? Você pode ficar tentado a atacar para encontrar um lugar para liberar sua frustração. Ao falar sobre suas emoções, use frases como “Eu sinto …” Isso torna os outros menos defensivos.

5. Evite culpar

Nesse ponto, depois que as coisas estão danificadas, não é hora de descobrir de quem é a culpa. Isso só servirá para afastar seu cônjuge. Seus nervos em frangalhos farão mais mal do que bem se você os deixar correr soltos. Haverá um momento para reflexão, mas no meio do caos você fará mais mal do que bem se começar a jogar o jogo da culpa.

6. Aceitar ajuda

Aceitar ajuda é difícil por um motivo: o orgulho. Se você é cristão, vai a dica: Talvez você tenha um novo versículo bíblico favorito: “É melhor dar do que receber”. Deus pode mais uma vez colocá-lo na posição de doador, mas por enquanto esta pode ser apenas a sua hora de receber. Estar juntos é uma função da comunidade e, neste caso, ficar sozinho é um sinal de egoísmo.

Veja também: O que fazer quando todo o seu trabalho árduo é destruído por desafios financeiros inesperados

7. Minimize a pressão

Se você permitir, as preocupações financeiras podem consumi-lo completamente.  Reserve um tempo em seu dia para concentrar sua energia em outras tarefas. Afastar-se da preocupação e tensão ajudará a remover o fardo.

8. Conte suas bênçãos

Sim, conte suas bênçãos. As coisas podem ser ruins, ou terríveis, ou mesmo horríveis. Mas provavelmente ainda existem muitas bênçãos em sua vida? Concentrar-se apenas nos problemas e na falta de recursos só causará depressão. Lembre-se de que em cada esquina há uma bênção, se você estiver procurando por ela.

9. Não tenha medo de sonhar

Se você acabou de perder um emprego, esta é uma ótima chance de sonhar. Sou apaixonado por fazer o quê? O que eu sempre quis experimentar? Esta crise pode ser simplesmente uma oportunidade oculta. Olhe para frente e tenha alguma direção. Pode ser o momento certo para transformar um hobby em negócio ou mesmo tentar uma nova maneira de ganhar dinheiro. Apenas certifique-se de fazer as perguntas certas para reduzir o risco.

10. Diário

Essas circunstâncias podem ser a maior bênção em sua vida (em alguns anos). O registro no diário ajuda a aprender todas as lições importantes que a escola da vida está tentando ensinar. 

11. Fique no control

Você pode ficar tentado a levantar as mãos e dizer “Não me importo mais”. Os credores querem levá-lo a este estado em que você apenas dá o que eles querem para tirar você de suas costas. Lembre-se de que você não precisa atender o telefone. Faça o que fizer, certifique-se de quebrar o ciclo da dívida recusando-se a assumir mais dívidas. Cavar mais fundo não é a sua solução. 

Embora uma série de tragédias financeiras possa ser extremamente difícil, suas respostas durante esse período determinarão uma grande parte da solução para a situação.

Veja também: A próxima década trará mais capital de risco para mulheres

Traduzido e adaptado por equipe Cotação Seguro

Fonte: seedtime

ANÚNCIO