Veja como comprar títulos do Tesouro pela corretora

Uma das melhores formas para quem está procurando meios de conseguir diversificar sua carteira de investimentos é através do Tesouro Direto, que é seguro e permite vários ativos. Porém, nem todo mundo sabe o que é preciso para comprar títulos do Tesouro pela corretora.

E você, sabe? A gente vai contar isso nas próximas linhas – até mesmo porque comprar pela corretora de investimentos pode ser muito mais fácil do que fazer isso sozinha. Aliás, hoje em dia uma grande quantidade de corretoras não cobrada nada para quem investe no Tesouro.

Inclusive, outra vantagem de se adquirir esses títulos é possui uma rentabilidade que ultrapassa aquela oferecida pela poupança, que ainda é o investimento mais usado no país – mesmo que seja um dos piores do mercado.

Além disso, o Tesouro é tido como o investimento mais seguro que o mercado oferece – até mais do que a própria poupança. Ainda existem muitos outros benefícios para quem tem interesse em se tonar um investidor.

Por exemplo, a compra desses títulos públicos pode ser efetuada através de uma corretora no conforto da sua casa, utilizando a tela do seu computador ou do seu smartphone, com um aplicativo gratuito. Ou seja, é fácil, simples e pode ser gratuito também.

ANÚNCIO

Se você ainda não sabe como fazer isso, confira o nosso conteúdo e faça um negócio seguro –  que renda acima da poupança e até mesmo de outros índices, como CDI e a Selic.

Entenda melhor sobre o Tesouro Direto

Antes de comprar qualquer produto é importante conhecer bem sobre ele. Assim sendo, ainda antes de comprar títulos do Tesouro pela corretora você vai ter que saber como esses ativos funciona e por que você deveria investir neles.

A primeira coisa que você precisa saber é que estamos falando de um investimento de Renda Fixa promovido pelo Tesouro Nacional junto com o B3, que garante o direito de compra de títulos públicos tanto para pessoas físicas quanto jurídicas.

A composição é feita através de certos tipos de títulos de papeis, entre eles Tesouro Prefixado, Tesouro Selic e Tesouro IPCA. Sendo que eles possuem propriedades distintas. Por isso, você deve conhecê-los antes de sair por aí comprando os papéis.

No momento que você compra algum desses títulos é como se estivesse fornecendo um empréstimo ao governo federal. Já no momento da venda desta, você irá reaver seu dinheiro e com o benefício de ter a ele um acréscimo de juros.

Onde comprar os títulos do Tesouro Direto

As condições para conseguir fazer a compra um título público são bem simples. A primeira delas é morar no Brasil, ter o seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) e possuir uma conta registrada em qualquer instituição financeira capacitada para tal função.

Após a realização do seu cadastro no Tesouro Direto através de algumas dessas empresas financeiras que podem ser efetuados por meio ao Banco Comercial, Múltiplo ou de Investimento e Distribuidora de Valores e das corretoras, que é o nosso caso.

A vantagem de utilizar as corretoras são suas taxas menores que dos concorrentes – a maioria nem faz a cobrança de taxas. Já se optar por fazer a operação através de bancos mais tradicionais poderá ter cobranças até 5 vezes mais caras.

Outro benefício é a rapidez de como é realizado todo o processo – já que as corretoras não oferecem serviços de empréstimos, cartão de crédito ou cheque especial.

Sobre o Tesouro Direto, você também pode gostar de ler:

A melhor corretora

Agora, para você saber qual é a melhor entre as corretoras de investimentos é preciso identificar qual é o seu perfil financeiro. E, depois, analisar a proposta de cada uma delas e ver a empresa que se encaixa mais aos seus planos.

Em geral, uma dica para lhe ajudar a decidir é procurar alguma das corretoras que não sejam ligadas aos grandes bancos, aquela que chamamos de independentes.

Como fazer o investimento no Tesouro Direto

Nosso objetivo com esse conteúdo é, além de lhe ensinar sobre o Tesouro Direto, é o que fazer na pratica para comprar títulos do Tesouro pela corretora. Por isso, iremos usar o exemplo de como fazer em uma delas nesse breve passo a passo.

comprar títulos do Tesouro pela corretora

A nossa escolha foi a Clear, mas aprendendo a efetuar a operação, com certeza, não terá grandes problemas quando for fazer a mesma coisa na empresa que você se identificou, que pode ser a XP ou qualquer outra do mercado.

Como dissemos mais acima, escolher uma corretora independente é mais interessante e a Clear é uma delas. Inclusive, de início você sentirá essa diferença, pois ela não cobra taxa para você efetuar seu investimento.

O passo a passo

Se você não tiver o cadastro no site, primeiro você terá que fazer isso. O que é bastante simples, sendo que basta seguir o que é indicado na tela. Siga todos os passos corretamente.

Depois disso é hora que escolher qual é o título mais interessante do Tesouro para você, segundo as suas condições financeiras e em quanto tempo você pode esperar pelo seu retorno. O legal do Tesouro é que há várias opções disponíveis.

Para isso, você deve ir até o site da Clear e seguir esses passos. Primeiramente, vá em “Produtos”, na sequência “Renda Fixa”, “Tesouro” e todos os títulos iram aparecer na tela para você escolher.

Para finalizar a operação você deve clicar em “Aplicar”, colocando o valor que achar suficiente para seus retornos serem satisfatórios. Isso se você já tiver saldo. Em caso contrário, vai ter que fazer uma transferência para a sua conta na corretora.

O resgate da sua grana não tem segredo. No título já vem definido até quando vai à validade da sua compra. Quando terminar é só ir ao site fazer o resgate. Se preferir, pode fazer um reinvestimento também.

ANÚNCIO