Aprenda como criar metas para 2020 com base no seu perfil financeiro

Identificar a qual perfil financeiro as pessoas pertencem deveria ser a primeira coisa a pensar antes de em fazer alguma meta financeira. No entanto, nem todo mundo faz isso. Neste conteúdo vamos mostrar como criar metas para 2020 de forma mais assertiva.

Aliás, vamos falar também do perfil financeiro, que é uma peça importante nesse tabuleiro. Dessa forma, fica muito mais fácil para identificar quais são suas qualidades e defeitos para poder maximizar seus lucros e criar suas metas.

Depois de entender qual é o seu perfil, vamos citar algumas metas financeiras para fazer nesse 2020, que acabou de começar e tem tudo para ser um ano incrível.

O que é um perfil financeiro?

Definimos como perfil financeiro a junção de características que cada um apresenta quando precisa tomar decisões referentes ao próprio dinheiro. Entre elas, aquelas que tem mais coragem de gastar, mais econômicas, outras mais ousadas.

Por exemplo, uma pessoa com perfil financeiro conservador é aquela que tem aversão ao risco de perda. Dessa forma, sempre prefere aplicações mais seguras, especialmente da renda fixa.

ANÚNCIO

Aliás, traça esse perfil é bem legal até mesmo porque ninguém é igual a ninguém. Mas, algumas características individuais permitem que você saiba identificar a qual desses perfis você pertence entrando em um grupo que vai do conservador ao arrojado.

Os tipos de perfis financeiros

Vamos dividir os perfis em cinco tipos: devedor, gastador, desligado, poupador, investidor.

DEVEDOR

O primeiro tipo se refere aqueles que sempre estão endividados. Usando como saída empréstimos tanto de banco quanto de familiares. Isso acontece porque a pessoa sempre faz planos de gastos superiores ao faturamento.

Normalmente, são aquelas pessoas que dizem ter que viver cada dia como se fosse o último e faz dívidas com coisas supérfluas apenas para se divertir. O problema que o amanhã vem, e com ele, as contas cada vez maiores.

Já dá para imaginar como criar metas para 2020 para esse perfil, né? O pagamento das contas.

GASTADOR

O segundo perfil é bem parecido com o primeiro, a esse damos o nome de gastador. Tem uma mentalidade parecida sobre gastar dinheiro. Mas, a diferença que gasta apenas o que tem, só que tudo. O problema é quando acontecem os imprevistos e não tem de onde tirar grana.

Eles costumam não ter grandes dívidas, por outro lado, também não tem patrimônio. Entre as metas que poderíamos ter é a de se esforçar mais para gastar menos e guardar mais.

DESLIGADO

O perfil desligado é para aquelas pessoas que não se endividam e nem gastam tudo o que tem. Entretanto, não investem o que sobra de seu salário.

Seria aquela pessoa acomodada, que não tem interesse em crescer financeiramente e conta com a segurança de não passar apertos financeiros.

POUPADOR

O próximo perfil é o poupador. São indivíduos preocupados com o futuro e imprevistos. Por isso está sempre economizando e procurando alguns tipos de ações, na qual não corra riscos de perder, como a poupança.

Esse tipo muitas vezes não recebe um respaldo da família e amigos, pois é tido como pão-duro. Mas, do outro lado, saiba que ele pode criar metas para 2020 de forma muito mais leve e realista do que os outros perfis citados até agora.

INVESTIDOR

O investidor é o último tipo de perfil e este sabe muito bem o que fazer com o dinheiro. Estuda, economiza, sabe como se planejar e aumentar seus rendimentos.

São bem ousados e são aqueles que normalmente. Aliás, quase sempre se dão bem na vida, pois ao invés de ficar gastando ou guardando, ele investe e faz seu patrimônio multiplicar. Mas cuidado, muita ousadia as vezes pode ser um grande risco.

Como criar metas para 2020

Aprenda como criar metas para 2020 com base no seu perfil financeiro

Se você faz parte do perfil devedor e gastador, saiba quem uma boa ideia de dica para este ano é anotar os gastos. Além do mais, é recomendável saber quanto ganha e saldar suas dívidas. Pode ser um pouco difícil fazer metas, mas uma puxa a outra.

Anotar seus gastos nada mais é que fazer uma planilha de tudo que você gasta. Faça isso todo dia, com qualquer centavo. No final do mês vai ter mais clareza onde está gastando errado.

Agora você vai saber exatamente quanto recebe por mês, veja seus saldos. Inclusive, tem gente que nunca confere seu salário e vai usando da conta corrente, faz saques, mas nunca se ligaram no quanto ganham.

Sabendo quanto ganha e quanto gasta vai começar sobrar uma graninha, que tal começar a pagar suas dívidas? Veja as mais urgentes, as que consegue pagar com o que tem, qual consegue fazer um acordo. Se organizando corretamente, uma hora vai conseguir.

Entenda mais do seu dinheiro

Uma boa meta para 2020 para desligados e poupadores é estudar um pouco sobre o dinheiro, perder um pouco de medo e começar a investir. Já que você não tem dívidas por que não começar a pensar mais lá na frente?

Seu dinheiro em baixo do colchão ou parado no banco pode não ser a melhor opção. Converse com mais com outras pessoas, pegue ideias, nunca é tarde para aprender.

Descubra 5 passos para fazer o planejamento financeiro de 2020

Pensando na aposentadoria

Aquelas pessoas que fazem parte dos investidores sempre querem mais, ganham dinheiro como ninguém, acumulam riquezas. No entanto, uma hora é preciso tirar um pouco o pé do acelerador, que tal começar a pensar na aposentadoria?

A previdência social já não está com as finanças boas, talvez seja hora de começar a planejar metas para quando esse dia chegar. E também, pensar em outra profissão ou como gastar seu merecido dinheiro com viagens e família, quem sabe?

ANÚNCIO