Veja as indicações de ações da XP para o momento de crise

O momento é de crise no mundo inteiro por conta da pandemia do Covid-19. Economias estão desacelerando, pessoas estão deixando de trabalhar para aderir ao isolamento social. Pensando nisso, a gente vai estudar algumas das indicações de ações da XP.

Afinal, todo esse problema global vem causando grandes estragos financeiros em muitas empresas no mundo todo – tanto é que somente em março a bolsa de valores do Brasil (B3) teve 6 circuits breakers, que é quando o sistema todo para por alguns minutos devido a queda.

Na contramão desse congelamento da economia, a XP surge com algumas indicações de empresas para se fazer negócios e alcançar um bom lucro com tudo isso que vem acontecendo. O motivo é simples: os preços das ações estão baratas.

Inclusive, você deve saber que investir em momentos conturbados, por mais que possa parecer estranho, é uma boa alternativa. Porém, isso deve ser feito de forma organizada e planejada.

Sem falar que é preciso que você se prepare para superar adversidades que certamente aparecerão. Portanto, antes de seguir as sugestões da XP é interessante você entender um pouco mais sobre como é investir em momentos de crise.

ANÚNCIO

Por que investir na crise

A história está aí para provar que períodos de crise não duram para sempre. Logo, iniciar alguns investimentos em momentos assim pode ser crucial para disparar na sua liquidez, mas sempre seguindo uma linha racional e correta.

Se você parar para analisar o grande salto de desenvolvimento econômico, junto de amplos avanços e inovações, eles costumam acontecer em épocas marcadas por fortes crises ou alguma imensa depressão econômica.

Por isso, as indicações de ações da XP fazem sentido. Por exemplo, os anos 20. Lembre-se que durante aquela que é dita como a maior crise financeira que assolou o mundo. Mas, investidores tiveram a coragem de investir tiveram bons lucros, como Coca-Cola e For.

O sucesso deles aconteceu por terem acreditado que em algum momento tudo iria acabar e quando tudo se estabilizasse estariam fortes no mercado para enfrentar os novos desafios.

Os benefícios das crises

Uma crise global desse tamanho acaba obrigando pequenas e médias empresas a se tornarem mais viáveis para investidores aplicarem nelas.

Isso dá um benefício para o investidor pelo fato de gerar chance alta de investir onde não seria possível antes disso, se o mercado estivesse saudável. O motivo é que, normalmente, os valores para fazer essas entradas em certas empresas seriam caríssimos.

Mas, não são oportunidades apenas em empresas menores que surgem nesse momento: as marcas consolidadas no mundo dos negócios também sofrem e se abrem para conseguir capital que sejam suficientes para suportar de forma que minimize ao máximo os prejuízos.

Nesse tipo de empresa, costuma ser um benefício certo investir nessa época, pois quando a poeira baixar o seu desempenho se tornará novamente bem alto e seus lucros serão muito bons. E isso faz sentido para essas indicações de ações da XP.

O investidor agressivo

Você já deve ter entendido que fazer investimentos agora pode ser muito arriscado. Contudo, os lucros podem ser bem altos. Portanto, o ideal é que você tenha conhecimento para fazer essas compras pensando no futuro, no longo prazo.

Sendo assim, de acordo com o analista técnico Gilberto Coelho, conhecido como Giba, que é da XP Investimentos agora é momento de ser agressivo nos seus investimentos – mas, isso vale para quem conhece o mercado da renda variável, obviamente.

Ele criou uma carteira recomendada de ações que contem 29 ativos que já tiveram quedas superiores a 50% do seu valor total e que apontam possibilidade de valorização de 100% e até mais.

O portfólio feito por Giba é composto por ações que tendem a dar bastante lucro e estão dentro do índice IBX-100 – sendo as que mais perderam valor durante essa crise.

Mas, você deverá ter um pouco de paciência, pois a previsão dele não indica retornos rápidos e sim no longo prazo. Ainda não se sabe até onde e quando esses efeitos da crise irão interferir no mercado mundial.

Quanto investir em ações

Giba prevê ainda que algumas empresas podem recuperar mais rápido do que outras – a rentabilidade continuará sendo de pelo menos 100% em um prazo maior. Assim sendo, quanto investir nessas indicações de ações da XP?

A sugestão que ele dá para os investidores é que esses ativos devem ser encerrados no período de um ano. Por mais que a recomendação seja agressiva em fazer seus investimentos, o analista técnico diz que não se deve investir mais do que 10% do patrimônio.

indicações de ações da XP

Dessa forma, se o valor que tenha somado na sua caixa de renda variável seja de, por exemplo, R$ 200 mil, a recomendação é que aplique somente R$ 20 mil desse capital nos 29 ativos que ele separou na lista. Aí, cabe a você fazer a divisão dos recursos para cada ação.

Quais são os melhores ativos

De acordo com a tabela feita por Gilberto, as 3 melhores opções do momento são: Gol Linhas Aéreas Inteligentes, Brasil Resseguros S.A. e Azul S.A. Sendo assim, temos 2 companhias aéreas, que tiveram grandes perdas durante os últimos dias.

Entenda tudo sobre comprar ações baratas na Bolsa de Valores

Entretanto, para analisar todas as 29 empresas da lista e conseguir variar ainda mais sua carteira, você pode acessar a página da Money Times, que é uma das maiores corretoras de investimentos do país.

Considere que é uma carteira recomendada. Portanto, ela não garante a rentabilidade. Ainda assim, é uma indicação de um profissional altamente qualificado no mercado financeiro e que está dentro de uma corretora de valores certificada para atuar.

ANÚNCIO