Dicas de Finanças – aprenda a juntar dinheiro a partir do primeiro salário

Tem gente que reclama que o primeiro salário é muito baixo. Por outro lado, não vê a chance que se tem de estar no mercado de trabalho. O fato é que quando o assunto é enriquecer, geralmente, o importante é ter um salário.

E mesmo que seja um salário baixo, considere que dá para começar a caminhar pela riqueza. Agora, como é que se faz para ficar rico ganhando pouco? Juntando dinheiro. Porque sim, de pouco em pouco, com o tempo, dá para ter um montão de dinheiro.

Dicas de Finanças – aprenda a juntar dinheiro a partir do primeiro salário

Se você é uma pessoa descrente da vida, saiba que podemos mudar a sua visão com apenas algumas palavras. E são essas palavras que vem abaixo que podem fazer isso. Continue lendo para entender que dá para sim para enriquecer desde o primeiro salário.

O segredo

Nós não vamos guardar o segredo para o final. Simplesmente, vamos contar agora. Então, saiba que o segredo para enriquecer é seguir um caminho, ou melhor, um ciclo.

Esse ciclo passa por: ter uma renda, guardar parte da renda, investir essa parte, ter juros mensalmente, reaplicar os valores investidores e mais a parte do salário todos os meses.

PROPAGANDA

Parece difícil, mas não é. Suponha que você tem uma fonte de renda, que é um salário. Então, você guarda aí uns 10% disso em uma boa aplicação financeira. Aí, no mês que vem, guarda a mesma porcentagem na mesma aplicação.

Se você fizer isso, com o tempo vai ter tudo o que guardou e mais os juros. E vai chegar em um ponto onde os juros serão maiores do que tudo aquilo que você guardou, acredita nisso? É isso que acontece com quem investe dinheiro.

Como fazer

A gente contou o segredo antes. E é verdade. Esse segredo realmente funciona e não tem pegadinhas nele. Não tem trabalho sujo. Não tem nada de errado. É uma questão de guardar parte do salário e investir. Simples assim.

Agora, a pergunta que vem é exatamente sobre “como fazer” isso acontecer.

E para isso nós temos algumas dicas. Que são dicas simples, de finanças pessoais. Coisas que deveriam ter sido ensinadas na escola, só que não aconteceram.

A gente trouxe os pontos mais importantes para você saber como fazer. Acompanhe.

Objetivos

Primeiro é preciso ter um objetivo financeiro. Porque se não, não vai fazer sentido você reservar parte do seu salário.

Por isso, tenha objetivos. Que podem ser viagens, aposentadorias, intercâmbios, compra de carros, navios, etc.

Gastos

Outro passo é ter um controle de gastos. Isso porque se você não controlar os seus gastos, sempre vai gastar a mais do que deveria e nunca vai ter condições de reservar parte do salário.

Então, crie uma forma de controlar os gastos.

Investimentos

Outra dica é sobre conhecer os investimentos financeiros. Hoje em dia, todo mundo pensa logo na poupança.

Só que o fato é que ela não é, e nem está perto de ser, a melhor opção de aplicação financeira do país. Tem opções melhores.

Pague-se!

Por último, é o que a gente chama de “se pague primeiro”. Isso porque se você for comprar tudo o que tem para comprar e pagar todas as contas antes, então, nunca vai ter dinheiro para investir.

O jeito é reservar o dinheiro logo que receber o salário.

PROPAGANDA