Liberada segunda parcela do auxílio emergencial do Governo

No final do ano passado, surgiu um novo vírus na China. Ele acabou se espalhando pelo mundo, ocasionando mortes por onde passou. Uma das medidas para conter a sua propagação, foi o isolamento e o distanciamento social. Então, agora estamos em uma quarentena, sem poder sair de casa

Esse isolamento conteve o avanço do vírus, mas também reteve a renda de muitas famílias que precisam de movimento na rua para poder sobreviver. Exemplo disso são os vendedores ambulantes. Isso sem falar de microempresas que estão fechadas há meses.

Para conter essa crise financeira, o Governo Federal começou uma série de programas emergenciais, como o auxílio emergencial e a liberação do FGTS para todos os trabalhadores até o dia 31 de dezembro. Agora, já começou o pagamento da segunda parcela do auxílio.

Liberada segunda parcela do auxílio emergencial do Governo
Fonte (Reprodução/internet)

Vamos ver o calendário para o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial? Veja mais a seguir.

Calendário do pagamento

O pagamento da segunda parcela começou na segunda-feira (18 de maio), primeiramente para os beneficiários do programa Bolsa Família. Ele está dividido em três etapas, no caso de quem recebe Bolsa Família, será a data habitual do programa.

ANÚNCIO

Quem não faz parte do programa, vai receber de acordo com o mês do nascimento. Então, vai depender se será depósito na poupança social ou saque em espécie para poupança social e transferência.

Calendário do auxílio emergencial

Confira as datas de pagamento de acordo com as categorias que o auxílio-emergencial está sendo divido:

Pagamento para quem recebe o Bolsa Família

Número final do NISRecebe no dia
118 de maio
219 de maio
320 de maio
421 de maio
522 de maio
625 de maio
726 de maio
827 de maio
928 de maio
029 de maio

Depósito em poupança social digital Caixa

Nascidos emRecebem em
Janeiro e fevereiro20 de maio
Março e abril21 de maio
Maio e junho22 de maio
Julho e agosto23 de maio
Setembro e outubro25 de maio
Novembro e dezembro26 de maio

Saque e transferência da poupança social

Pessoas nascidas emRecebem em
Janeiro30 de maio
Fevereiro1 de junho
Março2 de junho
Abril3 de junho
Maio4 de junho
Junho5 de junho
Julho6 de junho
Agosto8 de junho
Setembro9 de junho
Outubro10 de junho
Novembro12 de junho
Dezembro13 de junho

Uma pequena observação que pode ser bem útil, quem não conseguir ir ao banco no dia do pagamento, pode ir em algum dia posterior. Lembre-se sempre de manter uma distância segura das outras pessoas, pelo menos 1,5 m.

Quem tem direito ao auxílio?

O auxílio emergencial foi criado buscando atender às famílias de baixa renda que estivessem inscritos no CadÚnico, assim como beneficiários do Bolsa Família.

Além das pessoas inscritas no CadÚnico, o cadastro para receber o benefício também pôde ser feito através do aplicativo. Nesse caso, quem teria o direito seriam os microempreendedores individuais (MEIs), trabalhadores informais e também os contribuintes individuais do INSS.

Pré-requisitos

Os requisitos para receber o benefício eram:

  • Ser o titular de um CNPJ MEI;
  • Estar inscrito no CadÚnico até o dia 20 de março;
  • Renda média famíliar de até meio salário mínimo por pessoa, não podendo ultrapassar 3 salários mínimos por família;
  • Contribuir individualmente, ou de forma facultativa, para o Regime Geral de Previdência Social.

Como fazer a inscrição para receber?

A inscrição pode ser feita pelo aplicativo Auxílio Emergencial, ou pelo site da Caixa. Então, basta preencher alguns dados e informações e em 5 minutos já consegue terminar o processo de inscrição.

Portanto, você terá que esperar o resultado para saber se foi aprovado ou não para receber ao benefício. Aqui embaixo tem um vídeo mostrando o passo a passo do que fazer caso a solicitação seja negada:

Pequena observação sobre a 2° parcela

O calendário divulgado para o pagamento da segunda parcela se enquadra apenas para quem recebeu a primeira parcela até o dia 30 de abril. Quem recebeu depois terá outro calendário que ainda não foi divulgado pelo governo. Para quem recebeu a primeira parcela até o dia 30 de abril, não vai precisar se cadastrar novamente, o pagamento será automático.

Mais informações

Se quiser mais informações, pode entrar em contato com a Caixa pelo telefone 111, pelo número 0800 726-0207, ou indo até uma agência da Caixa. Porém, priorize sempre os meios digitais para isso.

ANÚNCIO