Saiba qual é a melhor dívida para ser paga primeiro

Você já parou para se perguntar se existe uma lista certa de prioridades que precisam ser seguidas na hora de pagar as dívidas em aberto?

A verdade é que tem sim uma ordem inteligente para isso. E nós vamos te ajudar com isso porque listamos essa ordem com base naquilo que é importante para você e sua família, acompanhe.

Saiba qual é a melhor dívida para ser paga primeiro

As contas essenciais

Existe um motivo bastante simples e objetivo para te dizer por que você deve pagar a dívida das contas essenciais primeiro, antes de tudo.

Simplesmente, porque sem água ou sem energia a gente não tem qualidade de vida. Sim, há quem vive sem isso até hoje, mas esse não é o seu caso, é?

Então, na lista de contas essenciais, anote aí: energia e água.

Não vai pensar em incluir coisas que são comodidade, como o plano do celular, o plano da TV, o plano da internet. Não. Aqui são contas essenciais mesmo, tá bom?

O aluguel da casa

Também existe um motivo simples para pagar essa conta logo após as contas essenciais.

Se você não pagar o aluguel vai acabar ficando sem onde morar e o pior: com o nome sujo vai ser ainda mais difícil conseguir outro lugar para ser alugado, viu.

Aqui, vale dizer, podemos incluir o financiamento de imóveis também, que é uma conta gasta com a moradia, né. Portanto, tem que ser paga logo após as contas essenciais.

No caso do financiamento imobiliário, existe ainda uma prioridade maior porque se não pagar as contas e ficar com dívidas você corre o risco de perder o seu bem, o que seria péssimo.

Então, o aluguel da casa ou o financiamento precisam ser pagos, anotado?

O financiamento do carro

Talvez você não tenha um financiamento de carro, mas é provável que sim porque a maioria dos brasileiros têm. Então, vamos considerar essa hipótese.

O financiamento do carro ou da moto vem em 3º lugar na nossa lista de prioridades. E o motivo segue a mesma ideia do aluguel da casa, comentado no tópico acima: você pode perder o seu bem, que está alienado.

Essa dívida só não é mais importante do que a dívida da casa porque a casa tem um valor maior. E você pode preferir ficar sem carro ao invés de ficar sem casa, não é mesmo?

Os parcelamentos das faturas

Outra divida que tem que estar nessa sequência é aquela formada por um grupo de contas a pagar que você não pagou. Por exemplo, o cartão de crédito.

A fatura chegou, daí, você não pagou a fatura integral. No mês seguinte ou alguns dias após isso, o banco te enviou a opção de parcelar a fatura. Aí, você pagou só uma parcela, né. E vai pagar mais parcelas até o fim de um período.

O problema é que esse parcelamento te custa caro. E apesar de você não perder o cartão de crédito por isso, saiba que essa dívida vai corroer o seu orçamento. Portanto, tem que pagar essa dívida também.

E aqui vale citar ainda o cheque especial e outros crediários.

As contas não essenciais

Se a gente começou falando das contas essenciais, agora a gente termina o texto falando das que não são essenciais.

Se você não pagar o serviço da internet pode ser que ela seja cortada. No entanto, é melhor viver sem internet do que sem água, não concorda? Por isso, essas contas não essenciais estão no fim da lista.

Aqui entra a conta da internet, do telefone, da TV a cabo, entre outros gastos.