Será que vale a pena fazer a Renovação Automática do Seguro do Carro?

Vai ano e vem ano e o seguro precisa ser renovado. Muitas vezes, com novos valores, em novas seguradoras e novos acordos. Mas, o que será que é importante analisar durante uma renovação do carro?

Quando fazer a renovação?

O 1º passo é se atentar ao prazo de renovação e não esperar pelo telefonema do corretor. Normalmente, o segurado tem até 30 dias antes do vencimento da apólice vigente para renovar o seguro. Ou seja, esse é o prazo ideal para começar a pesquisar sobre os novos custos do seguro.

Inclusive, há cotações online que podem ser feitas nesse prazo.

Caso você esqueça-se de renovar o seguro, então, vale a pena buscar alternativas, como os táxis e o Uber, já que sem o seguro vigente, você ficará à mercê da sorte e da boa condução de todos os motoristas. Lembrando que, se o contrato não estiver vigente, a seguradora não se responsabilizará por nenhum dano, mesmo o mais simples.

Outro problema que terá, se perder o prazo de vencimento, é que será obrigatória uma nova vistoria, o que pode levar mais tempo e ainda ter o risco recusado, ou seja, é possível que o segurado perca a classe de bônus que poderia ser usado.

Não há segredos, o ideal é nunca perder o prazo de vencimento e, por isso, não ficar esperando que o corretor faça o contato.

Afinal, ainda que seja a função dele, em caso de sinistro o maior responsável é você, motorista ou dono do seguro.

E um único dia sem seguro pode representar um gasto muito alto, algo que vai trazer um belo de um arrependimento.

Será que vale a pena fazer a Renovação Automática do Seguro do Carro?

Reprodução: Google

Detalhe: Evite fazer a renovação automática

Isso, acredite, não vai te gerar alguma economia e nem um bônus.

O que pode ser benéfico é que você não perderá o prazo de validade, mas, mesmo assim, você perde o poder de pesquisar novos preços e caso o valor suba muito, então, você terá que arcar com esse novo orçamento.

Os especialistas costumam dizer que funcionam como uma agência de viagens, na qual vende  a mesma passagem com valores diferentes, além da margem de lucro, existe também as corretoras que têm melhor relacionamento com a seguradora, então, isso ajuda muito no valor final do seguro.

Agora, sobre renovar com a mesma seguradora, tudo precisa ser ponto na ponta do lápis, por isso, é importante que se faça uma pesquisa também em outras seguradoras para notificar-se se o benefício valerá, realmente, a pena.

O que tem acontecido, normalmente, é que optar pela concorrente pode gerar algum desconto maior.

Como conseguir bônus para ter desconto na renovação?

Aí, o que vale a pena é fazer uma pesquisa sobre o seu bônus com as seguradoras. Esse bônus, normalmente, é dado automaticamente se você não acionou o sinistro nenhuma vez durante o último ano letivo, seja para acidentes que precise de conserto ou roubos e furtos.

É importante saber que, mesmo trocando de seguradora, você não perderá esse bônus já que ele está vinculado ao CPF do responsável pelo seguro e não ao carro ou à apólice.

Obs. O uso de assistência ou guincho não ocasiona a perda do bônus.

Com informações da exame, uol