Seguro Viagem Internacional – passo a passo para fazer o seu!

Na hora de viajar para outro país, quase todo mundo faz cotações para saber o valor do  internacional, isso porque uma boa parte dos países da Europa exigem o serviço. E mesmo para os que não exigem, essa é uma boa opção para quem quer viajar de forma mais tranquila e sem dores de cabeça.

O seguro de viagens internacionais é usado para dar ao passageiro alguns condições para um passeio tranquilo, sendo que conta com coberturas e vantagens, como serviços de assistência médica para doenças ou para acidentes, indenizações para bagagens extraviadas, etc.

Seguro Viagem Internacional – passo a passo para fazer o seu!

Direitos cobertos pelo seguro

É importante que se leia todo o contrato e a apólice do seguro antes de assinar o documento e realizar o pagamento. Isso porque os serviços são variáveis, mas, no geral, um plano básico cobre o atendimento médico para casos de acidentes ou extravio de bagagens.

Isso já costuma apresentar vantagens aos viajantes porque países estrangeiros costumam cobrar caro pelo atendimento médico, sendo que nem sempre ele é público, como acontece nos Estados Unidos, onde o hospital pode cobrar mais de 2 mil dólares uma internação.

Já quanto ao extravio, o seguro é importante, mas mesmo sem ele dá para ter garantias, como o fato de que a empresa aérea é responsável pela bagagem em casos de extravio. O seguro pode garantir o conforto para acelerar o processo!

Outra coisa que se deve saber sobre o seguro viagem internacional é que ele não é obrigatório para todos os países. Mas, na Europa,os países assinantes do Tratado de Schengen exigem tal documento. Então, isso vai depender do lugar para onde você vai.

O custo do seguro viagem internacional

O valor do seguro viagem internacional vai depender de alguns fatores, inclusive, da data quando a cotação for feita. Mas, a melhor recomendação é aquela que diz para pesquisar as várias seguradoras, como Mondial Assistance, World Nomads, GTA,Itaú, etc.

Mas, para que você tenha uma ideia geral disso, saiba que um passageiro de até 7 anos que vai passar mais de 1 semana nos Estados Unidos pode optar por ter um seguro viagem básico pagando R$ 280 enquanto que a mesma viagem para a Europa, na França,custaria pouco mais de R$ 250.

O que é importante considerar aqui é que para viagens para a Europa tem o que é chamado de Tratado de Schengen, que exigem que passageiros comprovem assistências de viagens. E aí, o custo desse documento fica em mais ou menos 30 euros.

Passo a passo para fazer o seguro viagem

O 1º passo é cotar os seguros viagens internacionais e considerar as várias opções de serviços. Depois, ao escolher a empresa que vai lhe prestar o serviço, você deve fazer o cadastro nela, informando seus dados pessoais.

Um próximo passo é sobre conferir a cobertura do plano do seguro que foi contratado. Aqui é importante ler o contrato e entender a apólice, além de verificar os dados do segurado.Após isso, estude também sobre o pagamento, que pode ser em boleto, cartão,etc.

Agora, o último passo, mas não menos importante, é confirmar o pagamento e imprimir a apólice do seguro que foi contratado. É bem interessante estar com a apólice na mala ou na bolsa de viagem para comprovar o pedido e o contrato.