Tenho um Carro Blindado, vale a pena fazer o seguro?

A questão sobre valer a pena ou não é muito complexa e inteiramente pessoal, porém, conforme o site da Bidu, o valor da corretagem de blindagem deve estar preenchido corretamente, com todos os dados, durante a cotação do seguro, isso porque o valor do seguro, com certeza, será maior no caso de carros blindados.

Na verdade, o valor pode ser o dobro de um mesmo carro que não possui o blindado. Conforme a Bidu, o motivo é que a seguradora deve calcular o valor de risco do veículo e levar em consideração, também, o valor da blindagem.

Logo, devido ao alto custo de reparo na carroceria e nos vidros blindados, esses automóveis ficam mais caros em relação aos “comuns”.

A Bidu chegou a fazer uma simulação e mostrou que há uma variação de 54%. Para isso, usou o VW Gol 2014!

Além disso, os documentos para fazer seguro de um veículo blindado costumam ser diferente dos demais carros e as seguradoras exigem o envio da Nota Fiscal de Compra de Blindagem, além da autorização do exército para carros blindados, que tem que ser solicitada pelo despachante, além a vistoria.

ANÚNCIO

https://cotacaoseguro.co/carro-paga-menos-seguro/

Esses documentos são exigidos mesmo para os carros novos, 0 Km, e, inclusive, algumas seguradoras optam por não fazer a cobertura do seguro para esses tipos de veículos, já que o consideram que é necessário uma mão de obra especializada para fazer os devidos reparos.

Sem contar que as peças de reposição são mais difíceis de serem encontradas.

Considerações na hora de adquirir um seguro para carro blindado

Como todo carro, é preciso levar em conta alguns itens. Entre eles, o preço do seguro. Isso é algo que precisa ser pesquisado já que ele está atrelado à muitas características, tanto do carro quanto do condutor. Os índices de roubo são importantes, assim como a idade de quem vai dirigir o carro.

Depois, há características adicionais que tem que ser levadas em conta, também, como o caso do veículo blindado, que, com certeza é mais burocrático e encarecedor.

Agora, de forma informal, há quem diz que existem algumas formas de conseguir baratear o seguro dos carros blindados. Por exemplo, com o uso de rastreadores, que nada mais é do que um dispositivo que permite localizar o veículo caso seja roubado. Com isso, o risco é minimizado e o valor diminui, teoricamente.

O conveniente, independente da decisão que será tomada é fazer uma pesquisa e algumas cotações para saber qual será o valor do seguro e se há muita diferença entre as seguradoras.

A pesquisa é importante, conforme confirmado pelo Anderson Oliveira, que é especialista no assunto. “Alguns grupos cobram a mesma tarifa de um veículo convencional, o que diferencia o preço do seguro do veículo com e sem blindagem é o valor da cobertura da blindagem. Essa cobertura, quando somada ao prêmio, proporciona uma tarifa maior”, diz.

Com informações da Bidu e infomoney

 

ANÚNCIO